Músicas Infantis

ESCRAVOS DE JÓ
 

Escravos de Jó
Jogavam cachangá 
Tira 
Bota
Deixa ficar
Guerreiros com guerreiros
Fazem zigue, zigue zá

 

 
LÁ VEM O PATO
 
La vem o Pato
Pata aqui, pata acolá
Lá vem o Pato para ver o que é que há
O pato pateta
Pintou o caneco
Surrou a galinha
Bateu no marreco
Pulou do poleiro
No pé do cavalo
Levou um coice 
Criou um galo
Comeu um pedaço
De genipapo
Ficou engasgado
Com dor no papo
Caiu no poço
Quebrou a tigela
Tantas fez o moço
Que foi pra panela

 
COELHINHO
 
De olhos Vermelhos
De pêlo branquinho
Orelhas bem grandes
Eu sou o coelhinho
Sou muito assustado
Porém sou guloso
Por uma cenoura
Eu fico manhoso
Eu pulo pra frente
Eu pulo pra trás
Dou mil cambalhotas
Sou forte demais
Comi uma cenoura
Com casca e tudo
Tão grande ela era
Fiquei barrigudo

A CASA
 
Era uma casa muito engraçada
Não tinha teto, não tinha nada.
Ninguém podia entrar nela, não!
Porque na casa não tinha chão.
Ninguém podia fazer pipi,
Porque pinico não tinha ali.
Ninguém podia dormir na rede
Porque na casa não tinha parede
Mas era feita com muito esmero
Na rua dos bobos
Numero zero.

 
A BARATA DIZ QUE TEM
 
A barata diz que tem
Sete saias de filó
É mentira da barata, ela tem é uma só
Ha ha ha, ho ho ho ela tem é uma só.
Ha ha ha, ho ho ho ela tem é uma só.
A barata diz que tem
Um sapato de fivela
É mentira da barata, o sapato é da irmã dela
Ha ha ha, ho ho ho o sapato é da irmã dela
Ha ha ha, ho ho ho o sapato é da irmã dela
A barata diz que usa
Só perfume da Avon
É mentira da barata, ela usa detefon
Ha ha ha, ho ho ho ela usa detefon
Ha ha ha, ho ho ho ela usa detefon

 
O CRAVO E A ROSA
 
O cravo brigou com a rosa
Debaixo de uma sacada
O cravo saiu ferido
E a rosa despedaçada.
O cravo ficou doente
A rosa foi visitar
O cravo teve um desmaio
E a rosa pôs-se a chorar.

 

 
CAPELINHA DE MELÃO
 
Capelinha de melão
É de São João
É de cravo, é de rosa
É de manjericão
São João está dormindo
Não acorda não!
Acordai, acordai, acordai João!

 
MARCHA SOLDADO
 
Marcha soldado
Cabeça de papel!
Quem não marchar direito
Vai preso pro quartel.
O quartel pegou fogo
A policia deu o sinal
Acode,acode, acode a bandeira nacional

 

 
A CANOA VIROU
 
A canoa virou  
Pois deixaram ela virar
Foi por causa da Maria
Que não soube remar.
Se eu fosse um peixinho
E soubesse nadar
Eu tirava Maria
Do fundo do mar.
Siri pra cá
Siri pra lá
Maria é bela
E quer casar.

 

 
CIRANDA, CIRANDINHA
 
Ciranda, cirandinha,
Vamos todos cirandar,
Vamos dar a meia volta,
Volta e meia vamos dar.
O anel que tu me deste,
Era vidro e se quebrou,
O amor que tu me tinhas,
Era pouco e se acabou.
Por isso menina agora
Entre dentro dessa roda,
Diga um verso bem bonito,
Diga adeus e vá embora.

Anúncios

1 Response so far »

  1. 1

    Gabriela said,

    HUM… Vocês nao acham q a musiquinha do pato ta muito besterentinha para as crianças?(ultima palavra)uashUAHSUhsaushUSHAU gente é zuera gostei muthu desse site vcs estao de Parabéns!!!


Comment RSS · TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: